img

Bambu nos carros vira tendência eco

13 de maio de 2017 Sem Comentários

Nos últimos anos, as montadoras de carro começaram a prestar mais atenção na sustentabilidade e no reaproveitamento de materiais. A Ford, por exemplo, vem se dedicando a pesquisar materiais alternativos à produção de automóveis. Itens curiosos já entraram na lista, como goma de mascar, frutas, rolhas de vinho e o agave, planta usada na produção da tequila. Agora, a Ford China aposta no uso do bambu, essa planta tão tradicional e abundante naquela região, como possível matéria-prima sustentável para a aplicação em componentes do interior dos automóveis. Assista o vídeo.

 

 

As qualidades do bambu são reconhecidos há mais de um século. Thomas Edison experimentou o material quando criou sua primeira lâmpada. Na construção civil, a sua resistência à tensão mecânica (o quanto aguenta ser vergado até se quebrar) é bem conhecida, sendo igual ou melhor que a de alguns tipos de metal. Além disso, por crescer rápido – até 1 metro por dia – e atingir a maturidade em dois a cinco anos, enquanto outras árvores levam décadas, também se regenera facilmente. “O bambu é incrível”, avalia Janet Yin, supervisora de Engenharia de Materiais do Centro de Pesquisa da Ford em Nanjing, na China. “Ele é forte, flexível, totalmente renovável e existe em grande quantidade na China e em diversas outras partes da Ásia”.

 
Nos últimos anos, Janet e sua equipe têm estudado junto com fornecedores o uso do bambu combinado com plástico para desenvolver peças extrarresistentes de acabamento interno dos veículos. Eles verificaram, por exemplo, que o bambu tem um desempenho muito melhor que outras fibras naturais e sintéticas em provas de resistência e impacto, além de manter a integridade após testes de aquecimento a mais de 100°C.

 


Na Ford, o uso de materiais sustentáveis nos veículos só é aprovado depois de atender os rigorosos padrões globais de desempenho e qualidade da marca. Esse trabalho é desenvolvido também fora do laboratório. “Quando eu conto para as pessoas como estamos usando materiais sustentáveis e recicláveis em veículos, ou elas amam a ideia logo de cara ou querem ter certeza de que os materiais são de alta qualidade”, conta Janet Yin. “Depois de entender como funciona esse trabalho, elas aderem à causa”.

 

 

A Ford já usa hoje vários materiais sustentáveis nos seus carros. Entre outros, podem ser citados: o kenaf, planta da família do algodão, em forros de porta; tecido Repreve, feito de garrafas plásticas recicladas, em bancos; algodão reciclado de calças jeans e camisetas em estofamento e isolamento acústico; carpete de nylon reciclado em coberturas de motor; garrafas plásticas recicladas em carpetes e forros de caixas de roda; pneus reciclados ​​em selos e juntas; casca de arroz e palha de trigo como reforço de peças plásticas; e espumas à base de soja em bancos.

img

Green Co. celebra participação no SPFW

7 de abril de 2017 Sem Comentários

Com desfile marcado por uma forte militância verde, que inclusive levou para a passarela modelos com placas do movimento Fashion Revolution Brasil, a Green Co. comemora o sucesso de sua primeira participação no SPFW.  A parceria com o movimento visa promover o questionamento sobre as atuais formas de consumo, propondo uma moda responsável, assim como relações de trabalho baseadas na transparência e na ética.

A filosofia clean da marca também delineou a beleza do desfile, assinada por Ricardo dos Anjos. De “cara lavada”, os modelos cruzaram a passarela com pouquíssima interferência de cor em suas peles e cabelos ao natural.

 

 

Peças básicas, vestidos ajustados, regatas, camisas e saias traziam cortes assimétricos e única estampa de folhagens para a coleção, que é tanto feminina quanto masculina. A cartela de cores apontou tons de verde pincelados por nuances neutras, ora claras e ora escuras. A estampa botânica foi inspirada no universo micro e macro das folhas. Entre os acessórios, o destaque foram óculos feitos do reaproveitamento de pranchas de skate e mochilas geradas a partir de câmaras de pneus.

 

 

Abaixo, uma entrevista com o fundador da Green Co, Cassius Pereira

MV – Há pouco tempo que as semanas de moda começaram a prestar atenção na sustentabilidade. Qual mensagem a Green Co procurou passar com essa importante participação no SPFW? 

CP- Mostramos que é de fato real, possível e necessário pensar, desenvolver e produzir moda de forma inteligente e sustentável, sem perder em design conforto com relação a materiais…muito pelo contrario, a cadeia pensada e executada de forma mais verde e limpa, torna o produto mais bonito e gostoso de se usar.

MV – Quais novidades a Green Co levou para as passarelas e de que forma as peças contribuem para a sustentabilidade e preservação do maio ambiente? 

CP – Levamos tecidos 100% naturais e biodegradáveis como o linho orgânico e o Hemp, fibras tão antigas quanto a historia da humanidade. Outro tecido incrível foi o Denim resinado apresentado em parceria com a Canatiba Textil, esse denim é feito com fios de Liocel e Modal. E como não poderiamos deixar de lado a pegada upcycled da marca, criamos nossos acessórios a partir da reciclagem de madeira de pranchas de SK8 em nossos óculos e borrachas de câmara de ar nas mochilas.

MV – Quais os desafios a Green Co e as outras marcas sustentáveis ainda tem pela frente em relação ao mercado tradicional da moda brasileira? 

CP – Acredito que um dos principais desafios esteja ligada a cadeia produtiva e no marketing utilizado por muitas marcas o que acaba acarretando uma concorrência desleal, ou seja, marcas que não fazem nada de fato se vendendo como sustentáveis. Com relação a cadeia produtiva, vejo como desafio marcas conseguirem montar uma estrutura de produção e network de fato mais limpos, lembrando que estamos no Brasil, e que tudo aqui infelizmente é mais superficial e não confiável (pessoas, empresas e processos).

 

Ficha técnica desfile Green Co.
Diretor de estilo: Cassius Pereira
Equipe de estilo: Denise Neves e Rique Groove
Styling: Inês Yamaguchi
Beleza: Ricardo dos Anjos
Trilha sonora: Felipe Venâncio
Direção criativa: Cassius Pereira
Parceiros: Fashion Revolution e Wellington Almeida

img

Brinquedos 100% reciclados e atóxicos

21 de julho de 2016 2 Comentários

A garotada vai ficar alucinada com a linha de produtos sustentáveis que tem como destaque os Carrinhos e os Robôs, da Krooom, marca israelense, que oferece produtos adaptados ao estilo de vida do século 21, unindo sustentabilidade e excelente design. Estão disponíveis os modelos: Polícia, Van, Bombeiro, Ambulância, Caminhão e Sorveteiro.

 

kroomm02

 

Os modelos foram produzidos em papelão durável, material 100% reciclado, leve e com revestimento impermeável para maior durabilidade do produto. As novidades na linha de brinquedos ajudam a desenvolver a coordenação motora das crianças, além de orientá-las sobre a importância da preservação do meio ambiente. Super fáceis de encaixar, podem ser montados pela própria criança e envolver a família na brincadeira. Além disso, estimulam a criatividade e imaginação na hora da diversão dos pequenos.

 

 

 

Em seis versões diferentes para meninos e meninas brincarem a valer: Bailarina, Construtor, Chef, Mal-humorado, Mágico e Cientista os Robôs são opções incríveis de diversão e interação. Com eles a brincadeira ficará muito mais divertida e especial fazendo com que a turma interaja bastante e coloque a ‘mão na massa’ para montar o seu robô. Feito com papelão resistente e tinta atóxica.

 

kroomm01

 

No Brasil, os produtos estão à venda na UniqueShop – loja virtual para quem procura produtos inovadores, criativos e funcionais para crianças.

img

Inspirações para uma Páscoa mais sustentável

25 de março de 2016 Sem Comentários

pascoa-4

 

 

Nem só de chocolate se faz uma Páscoa. Pelo contrário, o significado da data vai muito além dessa delícia. E, para ajudar as pessoas que estão tentando fugir dos ovos (até mesmo pelo preço!), mas não sabem como presentear ou decorar a mesa (e a casa!) sem fugir do tema, separei uma seleção de boas e fáceis ideias para tentar colocar em prática. São todas ideias que podemos fazer em casa, sem muitos gastos – bem Do It Yourself (DIY) – e que priorizam a reutilização de materiais. Corre que ainda dá tempo!

 

 

Cupcakes!!!!

pascoa01

 

 

Coelhos!!!

pascoa3

 

 

Decoração e mimos!!!

pascoa4

 

 

pascoa2

img

Delivery de orgânicos, naturais e veganos

15 de maio de 2015 Sem Comentários

A Ritual Box é outra opção de caixinha por assinatura de produtos orgânicos, naturais e veganos que facilita a nossa vida na busca de produtos cruelty free. Inspirados pelas estações do ano e datas comemorativas, a empresa monta rituais temáticos com dois ou três cosméticos naturais ou orgânicos full size, além de algumas amostras para testar novos produtos, um acessório e a Sublime Magazine do mês.

 

ritualbox1

 

Ele me mandaram a edição 5 – Verão que veio com:

– Gel pós-sol (Cativa Natureza): tem mais de 80% de insumos orgânicos rastreados que ajudam a restaurar a pele após longos dias de sol, reduzindo o desconforto provocado pelo estresse solar. Isso significa que o produto vem de um sistema de produção agrícola que busca manejar de forma equilibrada o solo e demais recursos naturais. Fragrância de Aloe Vera, Physalis e araucária e óleos essenciais de menta e litsea que dão uma sensação de refrescância. (O cheiro é tão bom que dá vontade de comer!)

 

– Máscara capilar para cabelos mistos (Surya Brasil): ideal para tratar os cabelos danificados pelo verão, essa máscara deve ser aplicada no banho, deixando agir por 15 minutos. O maracujá reduz a oleosidade e a copaíba limpa profundamente os fios, o óleo orgânico de alecrim evita a queda dos cabelos. Também pode se usada como condicionador, todos os dias, afinal, vivemos em um país tropical, com a maioria dos dias bem ensolarados.

 

– Amostras:

– Sabonete e gel esfoliante da Feito no Brasil

– Hidrogel da Alva

– Loção de buriti da Ikove Organics

– Lindo lenço preto e branco

 

Eles possuem vários pacotes para você optar por qual modalidade de assinatura vai querer: assinando por um mês você paga R$85.00, optando por tês meses custa R$80.00 (por mês),  por seis meses (R$76.00 mensais) e assinando por um ano você paga R$ 72,00 por mês. No primeiro mês da assinatura você recebe a Ritual Box em 10 dias. A partir do segundo mês, a box é enviada na primeira semana do mês.

 

Pra quem ainda não conhece nada de produtos cruelty free, vale a muito à pena apostar nessas caixas por assinatura. Com certeza você vai se surpreender com a quantidade de produtos que você poderá substituir no seu arsenal de cosméticos.

 

OBS: Esse não é um post patrocinado!

Blog Moda Verde
© 2014 Todos os direitos reservados

Andressa Designs